Na noite desta quarta-feira (14), à frente da antiga sede da Câmara macaense, realizou-se a cerimônia de reinauguração do Centro Cultural do Legislativo, que envolve museu e escola de formação para o serviço público. Foi uma noite de celebração entre o parlamento e o Executivo. Na ocasião, teve início a programação de Natal, em que crianças poderão tirar fotos com o Papai Noel em seu trenó.

O presidente Cesinha (Pros) finalizou os discursos. “Essa foi a maior reforma já feita neste prédio, pelo qual passaram a história e o desenvolvimento de Macaé. Vamos trabalhar para que cada vez mais ele contribua com o desenvolvimento cultural do município”.

O prefeito Welberth Rezende (Cidadania) também discursou. “Parabéns, ao presidente por reformar uma das poucas construções que registram o passado da nossa cidade”, elogiou, desejando a todos Feliz Natal e Ano Novo. “Harmonia” foi palavra constante nos pronunciamentos, abrangendo Alerj e governo estadual, por meio do líder na Assembleia, deputado Chico Machado (Solidariedade). “Estou feliz pela coincidência com o aniversário de Cláudio Moacyr de Azevedo, que leva o nome do imóvel”.

Nomes da história recente da Casa e da prefeitura compareceram, como o ex-vereador Maxwell Vaz. “É um grande feito manter esse prédio. Muito me honra ter elaborado a lei que criou o Museu”. O ex-parlamentar e ex-prefeito Riverton Mussi agradeceu pelo convite oficial. “Iniciei minha caminhada política neste prédio”.

Ex-parlamentares

George Jardim (PSDB) lembrou outros nomes que passaram pela Casa, como Augusto Veloso, Mirinho e Doutor Eduardo, falecido ano passado, de covid, e que dá nome ao Centro Cultural. O líder do governo na Câmara, Luciano Diniz (Cidadania), recordou seu primeiro contato com a política. “Vim aqui, aos 12 anos, como representante da minha turma no Colégio Matias Neto, solicitar ônibus para uma atividade escolar, ao prefeito Alcides Ramos, também chamado Bicho Velho”.

Volta de sessões ao antigo prédio

Professor Michel (Patriota) foi um dos que mencionou a volta de sessões ordinárias ao local, que ocorrerão às primeiras terças-feiras de cada mês, a partir de fevereiro. Rond Macaé (Patriota) louvou a ideia de reunir a população para prestigiar a reabertura. Reginaldo do Hospital (Podemos) se disse “emocionado por fazer parte desse grupo” de parlamentares. Iza Vicente (Rede) afirmou que a reinauguração é uma oportunidade para “a população desfrutar da cultura, em contato com a memória da cidade”.

História

O historiador Meynardo Rocha de Carvalho lembrou a doação do terreno, por parte da Câmara Municipal, em 1835, ao comerciante português Francisco Domingues de Araújo, que finalizou a construção em 1838. A casa recebeu Dom Pedro II numa visita à cidade em 1847. Vinte anos depois veio o aluguel para o Legislativo, que o adquiriu em 1892.

Houve uma reforma em 1927. Após, passou a funcionar ali também a prefeitura e, inclusive, o poder Judiciário. Em 2012, a sede principal da Câmara passou a ser no bairro do Horto. O Museu do Legislativo foi inaugurado em 2016, e o Centro Cultural, com biblioteca e escola, três anos depois.

Luzes, balé, Papai Noel e decoração

O descerramento da placa foi feito pelo mais antigo taxista da cidade, Paulo Roberto Moreira de Souza, 83 anos, que trabalha há 60 no tradicional ponto da Praça Gê Sardenberg, acompanhado das autoridades. A ligação das luzes de Natal ocorreu depois.

Em seguida, houve a apresentação da bailarina Pamela Martins de Oliveira, interpretando músicas natalinas e de louvor a Deus, e ainda, para alegria das crianças, fotos com o Papai Noel. A decoração da fachada para o evento foi coordenada pela esposa do presidente Cesinha, Rosileny Moreira.

Programação natalina

Além da iluminação no Centro Cultural e na praça Gê Sardenberg, o Legislativo repetiu uma ação que fez sucesso no ano passado: a casa do Papai Noel. O espaço decorado, na parte interna, terá a presença do bom velhinho para tirar fotos com o público até domingo (18), das 17h30 às 20h30.

You may also like

More in Notícias

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *