Prefeitura reforça obrigação do uso de máscaras em hotéis

A Secretaria Municipal Adjunta de Turismo enviou nesta semana a todos os meios de hospedagem de Macaé ofício reforçando as medidas de combate ao coronavírus. É obrigatório nos hotéis, pousadas e hostels o uso de máscaras de proteção individual tanto para os colaboradores quando para os hóspedes. Está vedada a entrada sem máscara nos locais.

“O turismo de negócios continua em Macaé devido ao arranjo produtivo do petróleo e gás, com o movimento de embarque e desembarque. A cidade optou por não fechar os meios de hospedagem, mas em contrapartida, eles devem manter as medidas de prevenção ao coronavírus. Reforçamos aos hotéis que eles devem conscientizar os hospedes sobre a necessidade do uso da máscara ao passar pelo hall, por exemplo, até a chegada ao quarto”, comentou o Secretário de Turismo, Leonardo Anderson.

O secretário lembra que as áreas de convivência nos hotéis e pousadas estão fechadas, como piscinas, saunas e academias e muitos estabelecimentos adotaram o café da manhã no quarto. “Existem hotéis que no momento do check in dão um álcool em gel para cada hóspede de brinde”, exemplificou Leonardo.

No ofício encaminhado aos meios de hospedagem, a secretaria também recomenda priorizar o atendimento por sistema de delivery, intensificar a limpeza no estabelecimento, disponibilizar álcool em gel (70%) aos clientes e hóspedes e orienta para a manutenção da distância de dois metros entre funcionários e clientes.

A oferta de material de higiene e instrumentos adequados à execução do serviço, orientando seus colaboradores sobre a necessidade de manutenção da limpeza dos instrumentos de trabalho, conforme recomendações do Ministério da Saúde e das Secretarias de Estado e Municipais da Saúde e a divulgação de informações sobre o Covid-19 também foram lembradas pela secretaria aos estabelecimentos.

O descumprimento das normas causará a cassação do alvará de funcionamento do local ao ser visitado ou identificado pela fiscalização. Uma rede de hotel de grande porte de Macaé adotou medidas como orientar o hóspede a permanecer o máximo possível dentro do quarto, não fazer contato físico com outras pessoas. A mesma rede só serve refeições no quarto e fechou o restaurante.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *