O Homem Elefante

O Teatro Sesi Macaé apresentara no dia 22 de junho, o espetáculo “O Homem Elefante”, de Bernard Pomerance, um dos textos mais premiados da dramaturgia mundial. No Brasil, os idealizadores do projeto são os atores mineiros Daniel Carvalho Faria, Davi de Carvalho e Vandré Silveira, da Cia Aberta (RJ), que dividem a cena com Regina França, atriz convidada, e são dirigidos por Cibele Forjaz e Wagner Antonio (SP).

A montagem expõe conflitos e preconceitos humanos, a partir da história verídica de um jovem deformado, que é explorado e mal tratado por um showman. Vandré Silveira, o protagonista da peça, diz que “O Homem Elefante” expõe ‘o quanto não aceitamos como natural tudo o que nos parece grotesco’. “Todos nós somos um pouco como o este Homem, carregamos nossas estranhezas, mas ocultamos a nossa monstruosidade, o outro lado de nossa natureza”, diz. 

O Homem Elefante

O texto de Bernard Pomerance é inspirado na história verídica de John Merrick, jovem com uma terrível deformação, que viveu em Londres na segunda metade do século XIX e virou atração de freak shows (shows de aberrações). “O Homem Elefante” tornou-se mundialmente conhecido com a adaptação para o cinema de 1980, assinada pelo cultuado diretor americano David Lynch. Com John Hurt no papel-título, o longa-metragem foi indicado a oito Oscars. Na Broadway, a história de John Merrick estreou em 1979 e teve inúmeras montagens. Recentemente, a peça voltou aos palcos novaiorquinos tendo o astro Bradley Cooper como protagonista.

Merrick (Vandré Silveira) era explorado e mal tratado pelo showman Ross (Daniel Carvalho Faria), até ser resgatado pelo jovem médico Dr. Treves (Davi de Carvalho), sendo acolhido para observação num prestigiado hospital londrino. No hospital, Merrick passa de objeto de piedade à coqueluche da aristocracia e dos intelectuais, com a ajuda de uma famosa atriz, Sra. Kendal (Regina França), que o apresenta à sociedade londrina. Mas a sua esperança de um dia poder ser “um homem como os outros” acaba por se revelar um sonho que nunca será realizado


icone calendario 2Quando? Qui, 22/06, às 20 h
Onde: Alameda Etelvino Gomes, 155 ,Riviera Fluminense ,Macaé
Quanto: R$ 22 (inteira) e R$ 11(meia) | Ingressos a venda na bilheteria do Sesi
Mais infos : 2791-9214

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *