Macaé na faixa verde – o que isso significa?

Segundo o Plano de Retomada do município apresentado pela Prefeitura de Macaé no dia 26 de junho, a faixa verde garante reabertura de restaurantes, academias, shopping centers e etc.
Nessa fase a faixa de risco da cidade está baixa, e é sinalizada pela cor verde. Para isso a taxa de letalidade tem que apresentar índices menores que 2% e menos de 50% dos leitos de UTI ocupados.

Confira abaixo o que pode abrir ou não com Macaé na faixa verde:

  • Bares e restaurantes: poderão funcionar com a sua capacidade reduzida em 50% do total, desde que observadas as normas de higienização e uso de EPIs.
  • Academias e afins: Abertura de academias, box de crossfit, centros de natação, estúdios de ginástica, dança e práticas de artes marciais, escolinhas desportivas e instituições de ensino com a observância dos critérios de distanciamento, higienização, controle de temperatura e uso de EPIs com redução de 50% da sua capacidade
  • Lojas: lojas de eletrodomésticos e móveis
  • Shoppings: Funcionamento dos shoppings centers com controle de acesso e restrição a capacidade de carga, plano de manejo e reorganização do espaço, controle de temperatura nos acessos e replicação das medidas sanitárias e distanciamento para as lojas. Cinemas e espaços recreativos permanecem fechados.

Em coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (6), o prefeito de Macaé, Dr. Aluízio, anunciou a liberação a partir do dia 13/08 de bares, restaurantes, shoppings, academias e templos religiosos.

O decreto com a determinação dos novos segmentos que poderão funcionar está sendo preparado e será publicado nesta sexta-feira (7).

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *